terça-feira, 20 de outubro de 2009

CELESTE RODRIGUES CANTA «PODE SER MENTIRA»

video

Maria Celeste Rebordão Rodrigues, celebrizada como Celeste Rodrigues (Fundão, 14 de Março de 1923) é uma fadista portuguesa, irmã mais nova de Amália Rodrigues.

Começou a cantar naturalmente na infância, tal como fazia a irmã. Porém,seguiram caminhos diferentes no fado. Profissionalmente, começa a cantar no Casablanca, em 1951 e, desde então, vive como fadista nos bairros típicos de Lisboa. É hoje uma referência do fado castiço, ao contrário da irmã, apogeu do fado moderno, e é uma das fadistas mais antigas ainda activas, assim como Argentina Santos e Maria Amélia Proença.
Com 25 anos, casa com Varela Silva, actor português. Teve aos 17 anos, no entanto, um romance com o toureiro Zé Casimiro. Abrem prontamente uma casa de fados na Rua das Taipas: A Viela. Todavia, esta fechou as suas portas, e Celeste passou então a cantar na Parreirinha de Alfama, de Argentina Santos.
Depois da Revolução dos Cravos, emigra para o Canadá, onde se divorciou do marido que lhe dera duas filhas.
Trabalhou diversas vezes com jovens artistas, alguns já com renome internacional, como Luís Guerreiro, hoje guitarrista de Mariza, e Luís Varatojo. Embora sem discografia intensa, gravou alguns êxitos como Lenda das Algas, Já é tarde e o simbólico Fado Celeste. O papel de Celeste Rodrigues no musical de Filipe Lá Féria, Amália, foi interpretado pela actriz Paula Marcelo.
Junto com outros expoentes do fado de Lisboa, foi convidada por Ricardo Pais a cantar no palco do Teatro Nacional São Carlos, no espectaculo Cabelo branco é saudade. Entre as mais célebres salas em que já actuou encontram-se a Citè de la Musique, Paris, o Auditório de Roma e a Casa da Música, no Porto.
Em 2007 integra a colectânea de fado Eles e elas, da Som Livre, entre outros grandes nomes do fado como Amália Rodrigues, Maria Teresa de Noronha, Hermínia Silva, Mariza, Alfredo Marceneiro, Carlos do Carmo ou Fernando Maurício, com o fado Fado das Queixas. O disco esteve várias semanas no top nacional de colectâneas.
O seu último trabalho discografico a ser lançado foi o CD Fado Celeste.

(FINTE WIKIPÉDIA)

1 comentário:

isto é espetaculo disse...

UMA GRANDE VOZ DO FADO QUE DURANTE ALGUM TEMPO ANDOU ESQUECIDA
CELESTE RODRIGUES UMA VOZ QUE AINDA HOJE ADMIRO E GOSTO SEMPRE DE VER E OUVIR CANTAR
AINDA Á DIAS ESTIVE COM ESTA SENHORA
A ELA O MEU APLAUSO