domingo, 10 de maio de 2009

AMÁLIA RODRIGUES - O TRIUNFO


Após aparecer em 1943 na revista “Alerta Está!”, Amália Rodrigues surge novamente ao lado de Hermínia Silva na opereta “A Rosa Cantadeira”. Desta opereta nasce um novo êxito para Amália, o «Fado do Ciúme», novamente de Frederico Valério. Nos anos seguintes, o êxito de Amália não para de crescer, toda a gente trauteia os seus fados: «Fado Malhoa»; «Só à Noitinha»; «Ai Mouraria», entre muitos outros. Ainda aparece em 1944 na revista “Ó Viva da Costa”, na opereta “A Senhora da Atalaia” e em 1946, ao lado de Laura Alves e Costinha, Amália aparece no elenco da revista “Estás na Lua”. A sua popularidade não para de crescer, não só em Portugal como no estrangeiro, onde Amália começa agora a visitar. Em especial no Brasil, Amália tem uma aceitação sem precedentes. Aliás é neste país que Amália grava os seus primeiros discos em 1946. Quando regressa a Portugal, é já uma verdadeira vedeta.

CONTINUA…

Sem comentários: