domingo, 2 de novembro de 2008

MADALENA IGLÉSIAS - PARTE III


Estreia-se no cinema ao lado de António Calvário no filme "Uma Hora de Amor", de Augusto Fraga em 1964. Nesse mesmo ano, ainda filma "A Canção da Saudade", de Henrique Campos. Em 1965, filma ao lado de Virgílio Teixeira, no filme de Américo Leite Rosa, "Passagem de Nível". Protagonizou o enorme sucesso que foi "Sarilho de Fraldas", de Constantino Esteves, de novo ao lado de António Calvário. O seu ultimo filme, foi "Os Cinco Avisos de Satanás" em 1970.
O seu sucesso era tal, que as multidões de fãs chegavam muitas vezes a parar o trânsito.
Com o seu casamento, em 1970, afasta-se aos poucos da vida artística, que continuará ainda, por algum tempo, sobretudo na Venezuela.
No dia 30 de Outubro de 2008, é lançado em Lisboa, a fotobiografia de Madalena Iglésias, com o titulo: "Meu Nome é Madalena Iglésias",da autoria de Maria de Lurdes Carvalho.

2 comentários:

isto é espetaculo disse...

A AUTORA DESTA BIOGRAFIA,MARIA DE LURDES DE CARVALHO,É UMA SENHORA DUMA SENSIBILIDADE ENORME E SÓ ELA MELHOR QUE NINGUEM PODERIA FAZER ESTA FOTOBIOGRAFIA TAO APREFUNDADA SOBRE A MADALENA IGLESIAS,A MADALENA IGLESIAS NAO FOI SÓ O "ELE E ELA" FOI MUITO MAIS QUE ISSO.
NO CINEMA AINDA PARTICIPOU NUM FILME QUE NAO ME RECORDO BEM O TITULO QUALQUER COISA DE "SANTANÁS"
ABRAÇO MV

Bárbara Barbosa disse...

Maravilhosa