terça-feira, 25 de novembro de 2008

ANTÓNIO CALVÁRIO - PARTE II


Em 1957, concorre para uma vaga na Emissora Nacional. É apurado com a canção "Canta Brasil". Rápidamente torna-se em cantor profissional, sendo aclamado por toda a gente. Actua, sempre com êxito, nos famosos Serões para Trabalhadores, organizados pela Emissora Nacional e pela "Federação Nacional para a Alegria no Trabalho". Em 1960, participa no 2º Festival da Canção com a canção "Regresso". António Calvário torna-se numa das coqueluches da época. Em 1961, é aclamado como "Rei da Rádio", voltando a repetir a proeza em 1963, 1965, 1966 e 1972.

CONTINUA...

1 comentário:

isto é espetaculo disse...

TEVE UMA CARREIRA RECHEADA DE GRANDES EXITOS NA CANÇAO ,NO TEATRO E NO CINEMA ....MAS DISSO TU FALARÁS MAIS Á FRENTE POR CERTO
ABRAÇO